Big bong

Quinta-feira à noite, na fila do mercado. Dois homens conversam na minha frente. O mais novo bebe um refrigerante de maçã que parece horrível. O mais velho carrega uma bisnaga embaixo do suvaco (eu escrevo “sUvaco” e “fUder”, com licença aê). Ele usa uma jaqueta com uma imensa foto do Bob Marley sorrindo, um gorro rasta, várias coisas rasta espalhadas pelo corpo, na verdade. Ele tem pinta de vendendor de artesanato.

O que mais me chama a atenção, no entanto, é o bong gigantesco que o grandão carrega embaixo do outro suvaco. “Isso não é um bong”, eu penso. “É um cajado. O cajado que Bob Marley usou pra abrir o Mar Vermelho…”

Os olhos do grandão são muuuuito vermelhos.

Nisso, chega na fila um casal. Um sujeito cabeludo e barbudo. Pinta de duende. A mulher faz o look maluca-gostosa, peitos pulando pelo decote, tatuagens colorindo a pele branca, cabelo bicolor picotado por um cabeleireiro provavelmente cego e trêmulo. O duende começa a chamar: “Ei, ei! É, você mermo! Isso aí é um bong, maluco???” O rasta sorri um sorriso que vai aparecendo lento lento. As butucas também sorriem ensangüentadas. O rasta sorri como o Bob da jaqueta. “Pô, irado!!!”, sentencia o duende.

Os dois grupos começam a conversar, aos berros por causa da distância. O casal mora em Sana. Ela faz artesanato e vai passar o Carnaval no Rio, vendendo suas coisas numa praça de Copacabana. O cara do bong, com um sotaque de africano, diz que veio da Holanda. Ele não fala português direito, ou não fala direito, não sei. Muita fumaça.

Pago minhas compras e vou embora pensando no dia em que o bong poderá ser encontrado na seção de utensílios domésticos e o resto no corredor das hortaliças, entre a salsa e a cebolinha.

9 Comments so far

  1. Gleidson (unregistered) on February 16th, 2007 @ 10:10 am

    Catch a fire!!!

    Eu também escrevo “fuder”!!!


  2. Ilka porto (unregistered) on February 16th, 2007 @ 10:56 am

    Falar em Bong, numa sexta, véspera de carnaval. Quais suas intenções, baby? hehehe


  3. souphã (unregistered) on February 16th, 2007 @ 11:06 am

    suvaco, fuder e buceta também só uso no “u”.


  4. Lene (unregistered) on February 16th, 2007 @ 12:44 pm

    Não compre, plante! :)


  5. Gleidson (unregistered) on February 16th, 2007 @ 1:00 pm

    Também sou dessa opinião, Lene


  6. letícia (unregistered) on February 16th, 2007 @ 1:27 pm

    tb sou do “u” e só botei o “foder” do poema da adília lopes, pq ela é portuguesa e quis assim.

    esses casais durepox são foda, bicho.
    já fui assiã.

    ps: partiu apoteose mirim?


  7. Gleidson (unregistered) on February 16th, 2007 @ 2:30 pm

    Aceitaria o convite, mas estarei partindo pra Freebourg!


  8. maíra (unregistered) on February 16th, 2007 @ 3:34 pm

    eu gosto de sovaco e de boceta. e de foder, naturalmente.
    sou das tradições. :P


  9. LP (unregistered) on February 16th, 2007 @ 4:19 pm

    êpa!!! :D



Terms of use | Privacy Policy | Content: Creative Commons | Site and Design © 2009 | Metroblogging ® and Metblogs ® are registered trademarks of Bode Media, Inc.