Dicas para não enlouquecer no trânsito do Rio

Em tempo de caos, se você precisa percorrer looooongos trajetos diários na solidão do seu carango, use a criatividade antes de começar a buzinar e xingar todo mundo. Principalmente se já roubaram o som do seu veículo e nem com esse entretenimento você pode contar. Vamos lá, aproveite:

– Tenha o seu momento da beleza – retoque a sobrancelha (o retrovisor é ótimo para isso), tire as cutículas, lixe as unhas, passe cremes faciais etc.

– Faça ginástica laboral – na correria do trabalho, a gente acaba esquecendo. Alongue mãos, braços, pescoço. Evite a LER (Lesão por Esforço Repetitivo).

– Leia – se estiver num lugar claro ou bem iluminado, e seguro, além do jornal, dá até para adiantar aquele livro ou estudar o capítulo da pós (juro que já fiz isso).

– Exercite a observação – quando o trajeto diário vira paisagem, é sempre útil tentar enxergar coisas novas. O que tem na rua? O que você vê no horizonte? E as pessoas que passam?

– Atualize a agenda – aproveite para passar a limpo todos os afazeres da semana e organizar a vida.

– Cante – quem canta…

– Exercite a teatralidade – vale mímica, encenar uma conversa, treinar um esquete. Não se importe com o carro do lado. Solte sua expressão. Mais doido é quem fica buzinando.

– Experimente o cubo mágico – tome desafios como esse. Você terá tempo suficiente para descobrir a lógica da coisa.

– Faça origamis – compre folhas coloridas e bote seu talento manual pra fora.

– Telefone para os amigos – essa dica é ótima para quem tem bons planos de celular. Ligue para aqueles queridos que você não fala há tempos por causa da correria. Além de surpreender, vai ser ótimo botar o papo em dia.

– Faça terapia telepática – adiante o que você vai discutir com o terapeuta. Pense nos problemas que te afligem, mergulhe no “seu eu interior”.

– Filosofe – ótimo momento para isso. Questione sobre todos aqueles assuntos pessoais, transcendentais e fenomenais que não temos resposta. Ninguém vai se importar.

– Pratique meditação.

Ah, para quem conta com o luxo de ter som no carro, também pode aproveitar para fazer um intensivão de um curso de línguas. Leve um CD estilo Speak up e vá treinando o listening e o “repeating”. Com dedicação e ajuda do Rebouças fechado, em poucos dias você terá pulado do intermediário para o avançado.

Se depois de tudo isso você ainda não tiver chegado ao seu destino, abra as janelas e grite! Não adianta, mas alivia.

8 Comments so far

  1. Nando (unregistered) on October 31st, 2007 @ 2:17 pm

    E quem vai de ônibus, senhorita? :)

    Meus preferidos são “Exercite a observação”, o “exercite a teatralidade” e a “terapia telepática” (huahuahua). Que ótimo.

    E tem mais um aí: plano de dados no celular, baby! Óbvio! Você pode ficar checando Twitter, blogs, notícias, (email não pq é muito business) e até as cameras da CET-Rio! ;)

    bj!


  2. Ilka Porto (unregistered) on October 31st, 2007 @ 2:28 pm

    Boas dicas, Nando. Agora, quem vai de ônibus, pelo menos tem outras pessoas para interagir… o post foi baseado mesmo na minha experiência solitária dentro do carro. rsrs ;-)


  3. isabela (unregistered) on October 31st, 2007 @ 3:47 pm

    só agora eu sei o que é isso, Ilka… Acho que alongamento ainda é a melhor opção


  4. inge (unregistered) on October 31st, 2007 @ 3:58 pm

    meu deus, qta coisa p fazer..rs.r.s.. mas aqui em recife, se vc fizer alguma dessas, é assalto certo. aqui a única opção é: olho nos transeuntes !


  5. ilka porto (unregistered) on October 31st, 2007 @ 4:25 pm

    Valeu pela citação desse post no seu blog, Bruno! ;-) bjs http://www.brunopinheiro.com.br/blog/2007/10/31/enquanto-o-transito-no-rio-nao-melhora/


  6. Nuno Virgílio Neto (unregistered) on November 1st, 2007 @ 11:26 am

    SENSACIONAL 1


  7. letícia (unregistered) on November 1st, 2007 @ 3:20 pm

    já escrevi um livro na minha cabeça, nesse trânsito. ma na real, abandonei o carro e agora só uso o skate. biciletas e skates do mundo, apareçam!


  8. karina vieira (unregistered) on November 9th, 2007 @ 12:31 am

    As dicas são ótimas (faltou paquerar o motorista ao lado mas isso vai depender da sua sorte)! Aqui em Nova York eu não tenho esse problema: é só bicicleta e metrô….acho ótimo!



Terms of use | Privacy Policy | Content: Creative Commons | Site and Design © 2009 | Metroblogging ® and Metblogs ® are registered trademarks of Bode Media, Inc.