Niterói: 435 anos, mas com um corpinho…

Estátua de Araribóia, o fundador de Niterói

Estátua de Araribóia, o fundador de Niterói

Niterói comemora hoje 435 anos de sua fundação por Martim Afonso de Souza, nome português do cacique e capitão-mor Araribóia, que ganhou nome, títulos e terras c. 1567 por sua aliança com os portugueses na expulsão dos franceses, que haviam invadido e dominado a baía de Guanabara em 1555. Em 1573, Araribóia fundou aqui a aldeia de São Lourenço.

O nome Niterói só veio em 1835 após a vila se tornar a capital provisória da província do Rio de Janeiro. Nictheroy em Tupi significa “água escondida”.

Os dados históricos podem ser lidos na Wikipedia e na página de história da cidade da Prefeitura Municipal de Niterói.
O “outro lado da baía”, como os cariocas gostam de se referir à ela, é uma cidade que atravessou várias fases e teve muitas personalidades, inclusive como capital da Província e depois Estado do Rio de Janeiro, que desfrutou por mais de um século.
A indústria naval é uma vocação desde os primeiros tempos de dominação portuguesa, mas, até pelo porte dos estaleiros, é excessivamente dependente da saúde financeira internacional e sofre abalos violentos em cada crise do petróleo. Com a atual crise financeira internacional, a cidade teme pelo futuro de seus estaleiros e também do fluxo de petróleo do norte do Estado, que passa por aqui e é outra fonte importante de arrecadação do município.
Belas praias, belas montanhas, lugares históricos e pitorescos, além da proximidade com o Rio de Janeiro, fornecem um excelente material para o desenvolvimento do turismo. Mas este parece ser um problema cultural no Brasil inteiro, pois falta infraestrutura adequada para atrair visitantes.
Niterói tem futuro. O presente não é tão ruim.
O que estamos esperando?

Comments are closed

Um show para compensar

Cartola no YouTube.
[Uma linda lembrança de MC, sem seu Jardim de Luz.]

Comments are closed

Se chove no Rio de Janeiro…

Não há Rio de Janeiro.

Lixo na praia de São Conrado - Rio de Janeiro

Praia em São Conrado amanheceu coberta de lixo (Foto: Julio Cavalleiro/VC no G1)


(Ver mais fotos no G1).

Comments are closed

Chove…

Chuva no Rio de Janeiro - Do blog Rio que mora no mar

Chuva no Rio de Janeiro - Do blog Rio que mora no mar

Esta manhã de primavera está linda e muitas fotos podem ser encontradas na Internet de dias como este, em que o Rio de Janeiro mostra seu lado mais bonito.

No entanto, o post que me chamou a atenção foi este, do belo blog Rio que mora no mar, inspirado na chuvarada de ontem (e que pode se repetir hoje e nos próximos dias).

A poesia de Manuel Bandeira é, como o post, tão bela quanto singela, como tudo o que este mestre fazia.

Comments are closed

Nada de novo no front?

Foto de Luiz Antonio Gravatá

Foto de Luiz Antonio Gravatá


Luiz Antonio Gravatá não precisava ter ido ao Oriente Médio (como de fato foi, em férias bem documentadas em seu blog) em busca dos sinais da guerra.

Ele pôde documentá-la ao vivo no conforto de seu apartamento, como pode ser visto aqui.

Comments are closed

Adventures of a Gringa in Rio

Uma visão bem-humorada e realista do Rio de Janeiro: Adventures of a Gringa in Rio.

Inclui ótimas sugestões para estrangeiros, como estas Top Ten Tips for Doing Business in Brazil.

E o delicioso: Top Ten Gringos in Brazil Videos.

Os comentários transformam o blog num fórum internacional. Devia ter um assento no G-20.

Comments are closed

O Rio de Janeiro está "se achando" no Leblon

Como pode demonstrar esta nota no jornalão de São Paulo.

Comments are closed

Imagens estonteantes do Rio de Janeiro

Voando.

Outras belas fotos em 360 graus do Rio de Janeiro, do Brasil e do mundo neste site do Adriaan Bos.

Uma dica do Veja o que eu vi.

Comments are closed

Good luck, USA!

Hoje o Carnaval é lá, como é fácil ver pela festa de Seattle:

Aqui, aqui e aqui, só para citar três lindos exemplos de Seattle, que esteve brilhante.

Comments are closed

Rio de Janeiro misterioso

Depois do último post, o Rio de Janeiro passou por importantes transformações que foram solenemente ignoradas por este “comentarista”.
A principal delas foi a eleição do novo prefeito, em segundo turno, por uma relativamente estreita margem de votos.
A discussão que se seguiu coloca sob suspeita a qualidade das alianças feitas pelo candidato eleito, em comparação com a “pureza” de propostas da candidatura adversária.
As promessas de campanha do candidato eleito podem ser verificadas (e cobradas, por supuesto) em listas disponibilizadas online como aqui.

Comments are closed

"Um doce balanço caminho do mar!"

Colagem de manuscritos e fotos.

Colagem de manuscritos e fotos.


A obra de Vinícius de Moraes, que faria 65 anos hoje, também é essencial para quem quer conhecer o Rio de Janeiro de longe.

Você pode começar com este post do Rio em disco.

Depois, navegue pela série de posts do Rio que mora no mar (aqui, aqui, aqui, aqui e aqui).

Depois, é sair por aí pra ver o mar…

Comments are closed

Eternamente, no Rio de Janeiro

Outra indicação necessária para quem quer conhecer um pouco do Rio de Janeiro e não pode caminhar por suas ruas, é ouvir o que for possível de Cartola.

Um resumo em português e em inglês pode ser lido aqui: Brazil: The country pays homage to the Samba master.

Pode-se ouvir sua música em muitos sites e em páginas como esta, do Rio em disco.

Comments are closed

Neste domingo, no Rio de Janeiro

Eventos não faltarão, como mostra esta notícia.

Comments are closed

More on Machado de Assis

Enquanto “seu” lobo não vem, a gente vai levando.

Quem quer conhecer um pouco da alma do Rio de Janeiro e não pode passear pela cidade, deve ler Machado de Assis.

Os leitores de língua inglesa têm algumas oportunidades, mas podem começar de mansinho, com esta resenha selecionada pelo the literary saloon.

Comments are closed

Que saudades!

Eu fico impressionado com a falta que sentem de mim quando passo tanto tempo sem comparecer.

A verdade é que eu me sinto um pouco isolado aqui. O Metblogs talvez pudesse promover mais integração entre os autores das diversas cidades, mas, para isso, seria preciso um blogueiro que pudesse se expressar bem em inglês.

Quem sabe não aparece alguém.

Comments are closed

Terms of use | Privacy Policy | Content: Creative Commons | Site and Design © 2009 | Metroblogging ® and Metblogs ® are registered trademarks of Bode Media, Inc.